play happy wheels

6 Comments

  • Guilherme D. Dutra 29 de julho de 2010 Reply

    Post muito bom velho! Blog tbm. Parabéns!

    Gui Dutra

  • Franciele Valadão 29 de julho de 2010 Reply

    Que legal. Não sabia dessa “história”. Mas sei lá, meio bobagem eles não consumirem só pela cor da lata. Mas adorei a postagem, super cultural. Beijo!

  • CAMYS 30 de julho de 2010 Reply

    pra vender, as empresas vão bem mais longe que isso, mas achei muito interessante essa história das cores da lata. Não sabia disso.

    http://www.teoria-do-playmobil.blogspot.com

  • Insanium Delirium 31 de julho de 2010 Reply

    é interessante como a embalagem pode influenciar, agora não consumir algo por causa de uma cor…
    Parabens pelo seu blog!!Muito bom!!Vou te seguir
    se quiser, conheça o meu http://artegrotesca.blogspot.com

  • Braulio Filho 9 de agosto de 2010 Reply

    sabes que no estádio Olímpico (Grêmio) não se vende coca col;a da lata vermelha nem ks, desde 99 que a coca lançou uma série especiqal de rótulo azul para vender la. a lata azul criada para parintins também vende la

  • Ada 11 de agosto de 2010 Reply

    Nunca imaginei que a coca cola tivesse essa atitude, porque eu venho observando a algum tempo que as garrafas de 600 ml estavam vindo com a tampinha de cor diferente e aos poucos todas as garrafas mudaram. Isso demonstra a importância da identidade de uma marca. Por isso, a atitude de mudar a lata inteira por causa de um festival folclorico do interior do Brasil me surpreendeu. materia interessante!!

Leave a Comment

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!